O valor da amizade

Criticar o trabalho dos outros nunca é fácil. Aos olhos do autor, ninguém será capaz de exaltar o bastante as características positivas do objeto da crítica. Do mesmo modo, será impossível achar o eufemismo adequado para se referir aos possíveis problemas da obra.

Além dessas dificuldades básicas, ainda há sempre a questão da ordem de exposição dos comentários. Se se começa pelos elementos positivos, o criticado mal consegue prestar atenção ao que se fala, sabendo que haverá um outro lado da moeda, cuja escrotisse poderá ser potencialmente maior do que qualquer louvor de suas realizações. Por outro lado, trazer à tona por primeiro o que há de ruim de uma obra é fazer com que tudo de bom que se fale em seguida tenha um tom de prêmio de consolação.

Em horas como essa e em especial quando o criticado vem a ser um amigo, uma palavra desmedida pode tomar proporções épicas e pôr fim a um relancionamento de muitos anos. Não obstante, há dias em que, aparentemente, nós nos encontramos num estado de espírito de maior esclarecimento no que diz respeito à impossibilidade de satisfazer o capricho humano. Por conta disso, às vezes, acabamos deixando de lado as formalidades e dando vazão aos mais profundos e sinceros sentimentos que, naquele momento, possamos estar sentindo.

Creio que, no mundo atual, haja uma terrível falta de consideração para com os comentários de espontânea genuinidade. Há que se prestar mais atenção na coragem necessária para despir-se de todos os mecanismos da convenção a fim de que possam emergir as palavras mais honestas que habitam nosso íntimo. Não apenas isso, mas também o tipo de confiança e respeito que um vivente precisa ter em relação a outro para que algo assim aconteça.

No dia em que as pessoas se conscientizarem da importância de um comentário sincero, não haverá mais necessidade do manual de etiqueta para situações não-convencionais. Até lá, no entanto, lembre-se dessas palavras e de agradecer a próxima pessoa que lhe disser que algo que você fez está uma merda.


 Escrito por Leo às 03h44
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]



Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
 
Histórico
  17/02/2008 a 23/02/2008
  03/02/2008 a 09/02/2008
  27/01/2008 a 02/02/2008
  20/01/2008 a 26/01/2008
  09/12/2007 a 15/12/2007
  28/10/2007 a 03/11/2007
  21/10/2007 a 27/10/2007
  21/01/2007 a 27/01/2007
  14/01/2007 a 20/01/2007
  07/01/2007 a 13/01/2007
  24/12/2006 a 30/12/2006
  17/12/2006 a 23/12/2006
  10/12/2006 a 16/12/2006
  03/12/2006 a 09/12/2006
  26/11/2006 a 02/12/2006
  19/11/2006 a 25/11/2006
  12/11/2006 a 18/11/2006


Outros sites
  Eugraphia - o site